Nutrição Desportiva e a Sua Necessidade Para os Atletas e Praticantes de Atividades Físicas

Atletas amadores e profissionais precisam dar uma atenção especial a sua alimentação. A nutrição desportiva é essencial para quem está em busca da sua melhor performance, seja para estar de bem com o seu próprio corpo ou para competir em eventos esportivos. Existe uma série de recomendações que devem ser seguidas para alcançar os objetivos pretendidos e não estamos falando somente de comidas saudáveis, mas hidratação, prática de atividades direcionadas às modalidades específicas, entre outros fatores antes, durante e após a preparação do atleta.

Estima-se que 60 a 70% do sucesso de um programa de treinamento depende da alimentação do atleta, ou seja, o indivíduo precisa estar atento quanto a sua alimentação para aumentar a suas chances de lograr êxito. De acordo com a nutricionista Luma Monteiro, a ingestão de carboidratos é a principal fonte de energia em uma alimentação, a refeição antes do treino busca maximizar o armazenamento de energia para que os músculos possam ter um desempenho satisfatório durante o treino, além de um cardápio personalizado pós treino para a recuperação muscular.

A Hidratação Também é Importante:

“Uma alimentação ideal deve levar em consideração o consumo de 2 a 3 porções de verduras e legumes por dia e 1 a 3 porções de frutas”, ressalta a especialista. Sem contar que a hidratação é tão importante quanto à ingestão de alimentos. Segundo Luma, a necessidade hídrica de cada indivíduo dependerá de alguns fatores como as condições ambientais, características do esporte praticado, bem como a sua intensidade. Para ela, são necessárias de 12 a 24 horas de reidratação adequada para recuperar o estado normal de hidratação.

“Para isso existem várias opções durante o treino e competição que ajudam a evitar que os atletas tenham de esperar todo este tempo. Olhos afundados, visão fosca, disúria, pele dormente, delírio e espasmos musculares são sintomas de desidratação em atletas e isso pode ser resolvido facilmente com a ingestão de líquidos”, avalia a nutricionista.

A Nutrição Desportiva Leva Em Conta A Modalidade Esportiva Praticada:

Os atletas demandam de muita energia para os treinamentos para poderem exercer um bom papel durante as partidas. Isso é algo comum para atletas de todos os esportes. A rotina de exercícios físicos, treinamentos, exercícios cardiovasculares e anaeróbicos para preparar o jogador para desempenhar o seu melhor papel é bastante cansativa.

Para isso, é preciso se alimentar muito bem e suprir a necessidade que seu corpo tem de todos os nutrientes básicos, para que possa ter força muscular, resistência e um bom sistema imunológico, para suportar o ritmo de treinos e de jogos do esporte. Assim, através de uma orientação nutricional adequada, o atleta necessita de cardápios específicos que levam em conta a sua modalidade (intensidade do esporte) que seja balanceado e adequado para sua necessidade nutricional, sendo então muito importante a atuação de um nutricionista capacitado e responsável.

“Sem dúvida uma alimentação balanceada e adequada a cada tipo de esporte ou necessidade de cada individuo trará bons resultados, evitando problemas de saúde e desgaste físico. Por isso é tão importante o acompanhamento de profissionais capacitados como nutricionista, médicos, fisioterapeutas e preparador físico para garantir a alta performance do atleta”, conclui a nutricionista Luma Monteiro.

Karen Hartmann, atleta wellness, conta mais sobre a sua rotina:

créditos: Marcos L Sales Photographer

Karen é paciente da nutricionista Luma Monteiro e atualmente está participando do evento multiesportivo Arnold Class 2017, que vai acontecer entre os dias 21 a 23 de abril, na Transamerica Expor Center, em São Paulo. Karen nos diz que a vida de fisiculturista não é fácil, mas também não é impossível se realmente gosta do que faz. Ela participa da modalidade Model Search Feminino.

“No meu dia a dia mantenho a alimentação bem regrada, me considero bem disciplinada e evito fazer uso de bebidas, doces, sal e frituras. Eu costumo dizer às minhas amigas: ame-se. A partir do momento em que nos amamos tudo isso vem em um conjunto, pois começamos a fazer mudanças nas nossas rotinas e ao invés de colocar nossa felicidade na mão de outra pessoa, iremos nos apoiar somente em nós mesmas para sermos felizes. Eu malho regulamente, faço atividades físicas que me faz feliz e também desenvolvo uma reeducação alimentar porque é isso que modela o meu corpo. Não tem batata frita que traga mais prazer do que se olhar no espelho e ter orgulho do que se vê”, comenta a atleta.

Para votar em Karen Harmann, basta acessar este site aqui: Arnold Model Search 2017.

 

Especificidades do Atleta de Fisiculturismo:

Para Luma Monteiro, os fisiculturistas podem ter necessidades nutricionais muito especiais devido às alterações fisiológicas ou especificidades do seu esporte. As recomendações gerais de uma dieta com alto teor de carboidratos complexos e baixo teor de gordura beneficiam o atleta, assim como a ingestão de uma grande variedade de alimentos.

Contudo, o atleta de fisiculturismo, em busca da perfeição corporal, em alguns casos, se torna obcecado pelos seus hábitos alimentares e a sua rotina de vida é voltada única e exclusivamente ao corpo, o que não é saudável. É preciso haver um equilíbrio para que a mente também seja trabalhada e desenvolvida em prol do esporte, de acordo com a nutricionista.

A chave para o sucesso é aliar mente e corpo:

Não é de hoje que vemos muitos atletas cuidarem somente do corpo e se esquecerem da mente, o que é um grande erro. Quando uma atleta está em dietas tão restritas para alcançar um objetivo, é preciso que o cérebro também esteja em perfeito estado, afinal de contas, é a partir do domínio da mente que conseguimos controlar o que comemos ou não.

A ajuda de um psicólogo também pode ser fazer essencial para este atleta, caso ele esteja sentindo que as coisas não vão bem. O nutricionista também precisa verificar esta demanda e buscar conversar muito com o atleta e até mesmo liberar um dia para que ele possa comer algo que realmente goste, assim ele volta muito mais motivado e pronto para dar tudo de si.

Ou seja, quando uma pessoa está realmente motivada a se tornar um atleta amador ou profissional, precisa levar em consideração muitos fatores e não simplesmente seguir as dietas malucas que encontram na internet. É preciso ter acompanhamentos especializados para conseguir realizar suas metas. Por isso, se você está pensando em praticar alguma modalidade esportiva, busque sempre uma orientação profissional antes de iniciar qualquer tipo de dieta, pois as atitudes que tomamos influencia diretamente no que nos tornamos.

 

 

Assessoria Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com 

 

 

Share This:

Consumo de Ômega 3: Benefícios Para o Cérebro e Para o Coração

O ômega 3 é uma gordura considerada poli-insaturada, ou seja, ela faz parte da família dos ácidos graxos compostos de três variedades: ALA (alfa-linolênico), EPA (ácido eicosapentaenoico) e DHA (ácido docosahexaenoico). Um dos seus principais objetivos é a proteção da saúde cerebral e cardiovascular.

O DHA e o EPA são encontrados nos animais marinhos, enquanto o ALA pode ser encontrado em vegetais, tais como linhaça e chia. O consumo de ômega 3 é muito importante para o organismo, pois estes ácidos graxos são considerados essenciais para o corpo humano, justamente porque ele não é capaz de produzir sozinho, ou seja, a única forma de um indivíduo gerar este nutriente é ingerindo alimentos que contenham ômega 3.

Por possuírem uma função extremamente nobre ao corpo humano, há muitos benefícios para os neurônios e para o coração. De acordo com o Claudio Marcio, proprietário da empresa Nutra World, “estudos científicos relatam que pacientes com depressão, que além dos antidepressivos prescritos e que consomem ácidos graxos ricos em ômega-3, tiveram uma grande melhora nos sintomas se comparados com aqueles que tomavam apenas os antidepressivos. Outras pesquisas científicas recentes têm mostrado que pessoas que consomem muitos peixes oleosos melhoram a pontuação em testes de memória e de concentração, têm menos chances de desenvolver a doença de Alzheimer além de que pessoas com artrite reumatoide que consomem óleo de peixe foram capazes de reduzir a dose de medicamentos anti-inflamatórios não esteroides”, relata.

Benefícios do Ômega 3 para o coração:

  • Faz bem para o coração porque regula as atividades das plaquetas sanguíneas, além de reduzir os níveis de triglicérides e prevenindo arritmias.
  • Recentes pesquisas realizadas no Centro para a Programação Fetal, no Statens Serum Institut de Copenhagen na Dinamarca, publicado na revista da Associação Americana do Coração relatou que o risco de mulheres em idade reprodutiva terem distúrbios cardiovasculares é muito menor em quem consome ômega 3 do que naquelas que não consomem.

Suplementos Com Ômega 3 Funcionam?

Ainda segundo Claudio Marcio, pessoas que não gostam de peixe, tem a possibilidade de encontrar suplementos que podem ajudar nesta ingestão de ômega 3, dentro deste contexto, o ÔmegaPURE é um suplemento a base de óleo de peixe, fabricado na Alemanha, que possui determinadas características que o torna único no mercado nacional sem qualquer similaridade com nenhuma outra marca.

Características Técnicas do Ômega PURE:

  • É a maior concentração de ômega-3 na menor cápsula do mercado, ou seja, cada cápsula do OmegaPURE de 500mg contém 450mg de ômega-3, isto é, 90% de puro ômega-3 sem qualquer adição de outras gorduras
  • Cápsulas gastro-resistentes que impede que a cápsula seja desintegrada no estômago, que tem menor absorção do ômega-3, evitando assim refluxo, sabor e hálito de peixe após a ingestão.
  • Desta forma, o Ômega-3 em sua forma pura, é liberado somente no intestino onde ocorre sua maior absorção pelo organismo humano.
  • Tecnologia de ponta alemã no processo de purificação (Certificado Internacional e Nacional REBLAS), livre de contaminação, sem metais pesados (cádmio, chumbo e mercúrio), dioxinas e PCBs.

Benefícios Para o Cérebro:

A Northumbria University, do Reino Unido, em recente pesquisa sobre o consumo de peixes ricos em ômega 3, definiu que se trata de um alimento que melhora a circulação cerebral, diminuindo os riscos de demência ao envelhecer, sem contar no desenvolvimento escolar em crianças e adolescentes.

Os riscos de um indivíduo desenvolver Alzheimer também é minimizado através do consumo de ômega 3, além de diminuir o cansaço mental, insônia e ansiedade, ainda segundo pesquisa da universidade do Reino Unido.

Converse com o seu nutricionista e peça orientações sobre o ômega 3 antes de iniciar o tratamento.

Assessoria de Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

 

 

Share This:

Receita De Tabule Para Quem Quer Fazer Um Almoço Rapidinho

Tem aqueles dias que a gente simplesmente não consegue fazer um almoço elaborado justamente por falta de tempo. O dia a dia corrido e atribulado, por muitas vezes, nos deixa em um verdadeiro dilema: comer um fast food ou não, eis a questão!

Mas, hoje você vai ter acesso a uma receita super rápida, prática e fácil de fazer para que você possa colocar em prática todas as vezes que o tempo estiver escasso na sua vida.

O tabule é uma receita muito consumida na culinária árabe, além de ser rico em fibra, ser refrescante e muito saboroso.

Então, você já sabe: não deixe de ingerir alimentos saudáveis, mesmo quando o tempo não estiver ao seu favor. Tenha atitudes magras e faça escolhas inteligentes!

Receita Tabule:

  • Meia xic de farelo de trigo hidratado por 30min em água
  • 1 tomate em cubinhos
  • 1/2cebola roxa em cubinhos
  • 1/2 xic de hortelã picadinha
  • 1 dente de alho picado
  • 5 col de sopa de azeite
  • Suco de 1 limão
  • Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo: Tão simples e fácil que você vai querer fazer agora mesmo, basta misturar tudo e servir!

Assessoria de Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

 

Share This:

Assessor em Nutrição, Confira 7 Medidas Para Te Motivar no Trabalho

Por muitas vezes ficamos desmotivados em nossos trabalhos, por mais que gostamos dele. É inevitável que, em algum momento da sua vida, você se pergunte se é realmente aquela área que você deveria estar seguindo, se você pode investir em outros segmentos, etc.

Mas, se por um lado, às vezes, nos questionamos se estamos na profissão certa, por outro, quando, de alguma forma, temos a certeza de que estamos realizados quanto a nossa carreira, não tem melhor sentimento. Você que está pensando em seguir a carreira de assessor em nutrição rj, leia estas dicas atentamente, pois elas irão te ajudar.

Por isso que o post de hoje vai falar sobre 7 medidas que você pode tomar para se motivar mais no trabalho e, você poderá segui-las sempre que achar necessário e por em prática todas elas na hora em que sentir que precisa dar aquele upgrade na rotina.

Afinal de contas, quais são as 7 medidas para te motivar no trabalho?

1 – aquilo que não te desafia, não te transforma:

Não pense que o trabalho está sendo duro e que as coisas não estão dando certo. Todas as vezes que você deixa as dificuldades te dominar, é uma batalha perdida. Tente sempre encarar os desafios como uma forma de você provar a si mesmo que é capaz de resolver tudo, se tiver paciência e conhecimento na área.

Por isso que você não tem que pensar que os desafios são ruins, porque por mais que eles sejam penosos, alguma experiência você vai tirar e vai saber como proceder diante das próximas situações semelhantes.

2 – Para atingir objetivos maiores, crie pequenas metas:

Quando pensamos grande, temos uma responsabilidade e tanto pela frente. Mas, nem por isso você tem que dar as mãos ao comodismo e o deixar dominar o seu trabalho. Uma forma de você conseguir atingir seus objetivos mais grandiosos é exatamente traçar pequenas metas, que se cumpridas em curto prazo, vão te dar o resultado que você deseja dentro do tempo estabelecido.

E para motivar todo este planejamento, todas as vezes que você atingir uma meta procure uma forma de se recompensar pelo bom trabalho desempenhado.

3 – Leia regularmente:

O hábito da leitura é essencial para qualquer pessoa. Porém, quem começa o dia lendo um bom livro, uma boa história (e não precisa ser necessariamente sobre a sua área profissional) tem mais pensamentos criativos e estes pensamentos podem ser aplicados no seu dia a dia quando menos se espera.

Sem contar que quando o hábito de leitura se torna um prazer, tendemos a ficarmos mais leve durante o restante do dia. Por isso, leia regularmente.

4 – Defina um tempo de encerramento das suas tarefas:

Você já ouviu aquela célebre frase: ‘Grandes poderes, grandes responsabilidades’. Pois então, um homem quando sábio, precisa entender a hora de parar. Justamente por isso não leve trabalho para casa e assuma a responsabilidade de se dar algum tempo de descanso.

Faça ioga, vá para academia ou simplesmente passe um tempo off na sua casa. Pare um pouco para recarregar as baterias. Quem não pega impulso não consegue voar! Pense nisso.

5 – Não deixe assuntos secundários impedir sua rotina:

Ao passo que é importante definir um tempo para você ficar off, é igualmente essencial que você não deixe assuntos secundários interromper as suas tarefas. Uma das coisas que as pessoas mais reclamam é que não conseguem manter o foco. Mas, será que você já se perguntou o motivo pelo qual não consegue ter concentração no seu trabalho?

Experimente não usar as redes sociais durante o tempo de trabalho, a menos que as redes sociais seja o seu trabalho. Você vai ver o quanto o seu desempenho melhorará!

6 – Você usa a sua agenda corretamente e segue as tarefas que inseriu?

Você tem a mania de achar que dá para fazer tudo no dia seguinte? Então, você vai lá e coloca todas as tarefas para o dia posterior e acha que vai conseguir resolver tudo?

Você precisa parar de se importar com coisas pequenas e começar a seguir a risca as tarefas que você prepara na sua agenda com antecedência. E tente distribuir as novas necessidades de acordo com os seus horários vagos. Apesar de 24 horas parecer ser muito, você não é um super herói.

7 – Você comemora o seus acertos?

E quando tudo dá certo e você tem uma vitória dentro do seu trabalho, o que você faz? Espero que você tenha o hábito de comemorar, porque não tem nada mais motivador do que perceber que fomos vitoriosos dentro de nossos desafios.

Por isso, assim como você não poupou esforços para lograr êxito, não poupe também na hora da comemoração. Isso vai te servir como alavanca para buscar sempre o melhor.

 

Assessoria Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

Share This:

Benefícios da Batata Doce: Conheça A Sobremesa Que Você Pode Comer Sem Culpa

A batata doce é super conhecida no meio fitness porque ela tem muitos benefícios. Não é de hoje que os praticantes de atividades físicas e atletas apostam neste alimento para queimar a gordura e ter ganho de massa muscular.
Com certeza você já deve ter visto receitas de escondidinho de batata doce, de batata doce em palito, batata doce cozida, entre outros. Mas, você sabia que com este mesmo ingrediente super nutritivo e com alta concentração de fibras dá para fazer sobremesas deliciosas?
Pois, então. A nutricionista Luma Monteiro está sempre inovando e lançando receitas exclusivas e hoje não vai ser diferente. Aqui você vai descobrir que é possível comer um mousse de chocolate, de maracujá (ou o sabor que você quiser) feito de batata doce.

Hummmm mas será que fica com gosto de batata doce? Não! Dentro desta receita, ela auxilia a dar aquela textura durinha das mousses e também contribui com todos os seus benefícios, que não são poucos.

Benefícios da Batata Doce:

 

Afinal de contas, o que estas sobremesas têm a ver com isso?


Sendo elas feitas a base de batata doce, dá para você comer sem culpa. Pode, inclusive, presentear na páscoa com belos mousses de cacau fit. Sem dúvidas, esta é uma boa maneira de ter mais energia para treinar e ficar de bom humor pelo resto do dia, já que o chocolate tem propriedades que liberam a serotonina, hormônio do prazer.

Minha Nutri Aceita Encomendas:

Minhanutri vai lançar especial de Páscoa bolo de pote Fit a base de batata doce.
Uma maravilha que você nunca viu igual, para comer sem culpa.
Bolo vegano na versão cacau e cenoura com laranja e linhaça . Não contém açúcar, ovo, leite e manteiga.
O musse e a base de batata doce na versão cacau, coco e maracujá. Não contém leite condensado, creme de leite, gelatina e açúcar.
Totalmente natural e nutritivo. Fizemos especialmente para você que se preocupa com sua saúde e qualidade de vida. Vendas por encomenda. Contato in box atendemos na Barra da Tijuca.
Sabores: Cacau com Coco, Cacau com maracujá e Cenoura com Cacau.
Valor R$ 15,00 a unidade.

Share This:

Receita Bolo de Pão de Queijo Com Chia

Você que gosta de variar no café da manhã, mas não larga mão de realizar receitas saudáveis então vai gostar desta super dica deliciosa que você pode incluir no seu dia a dia. O bolo de pão de queijo com chia é muito fácil de fazer e rápido.

Vai agradar a todos da sua família, além de ser uma opção de café da manhã saudável e nutritiva. Mas, vale lembrar que não é para comer todas as fatias de uma vez, combinado?

Se você gostou da receita e vai experimentar na sua casa, compartilhe com a gente, mande suas fotos para o insta da assessoria em nutrição @minhanutri, pois nós vamos publicar as melhores!

Receita Bolo de Pão de Queijo Com Chia:

  • 3 ovos
  • 1/2 xic de óleo
  • 1 xic de leite
  • 250g de polvilho doce
  • 100g de queijo parmesão
  • 2 col sopa de chia
  • 1 col sopa de fermento em pó
  • sal a gosto

Modo de Preparo:

Bater tudo no liquidificador e colocar numa forma de buraco untada com óleo e farinha de trigo. Deixar assar por 30 min e servir. Bom apetite!

 

Share This:

Depoimento Cirurgia Bariátrica: “110 quilos, esse foi o número que eu vi na balança quando me assustei”

Olá amigos da Minha Nutri, hoje iremos publicar um depoimento que recebemos de uma leitora, a Tamis Doria do Blog Trajeto Aleatório (segue aqui o insta: @bariatricandotamis). Ela nos contou como foi ter feito uma cirurgia bariátrica e a importância de uma reeducação alimentar para melhorar a saúde e qualidade de vida.

Boa leitura a todos! O depoimento está na íntegra.

“Quando eu decidi fazer a cirurgia bariátrica, eu não estava em crise com o meu corpo, não me sentia inferior a ninguém, era modelo plus size de passarela e fotográfica. Mas eu não estava mais tão feliz assim. Quando me olhava no espelho, não chegava a detestar o que via, mas eu não estava mais me amando, afinal de contas todo mundo tem problemas com o próprio corpo. E eu tinha vários.

Sempre fui a favor do amor próprio, de amar o seu corpo, mas as pessoas confundem se amar com se conformar, não adianta ter um corpo que não gosta e dizer “Ah, deixa assim mesmo, tá bom, não tem como mudar”.

Sou a favor de se amar do jeito que acha mais bonito, se você pesa 180 kg e se acha a pessoa mais linda do mundo, qual o problema? Se você não gosta daquela barriguinha extra, qual o problema de entrar na academia e fazer 500 abdominais pra tirar?

Temos que ir em busca nosso amor próprio, nos moldar para o nosso próprio padrão e não o padrão que a sociedade diz que é bom.

O maior problema estava estava na minha saúde, a partir do momento que a minha saúde estava sendo afetada a história mudou, pensei “Ôh, espera aí, já chega, sou uma bomba relógio e posso morrer a qualquer momento!” A minha pressão arterial estava chegando em 18/9 (gritos!) e o histórico da minha família nunca foi favorável: Infarto, diabetes, derrame, insuficiência renal, enfim… Me assustou.

Antes e Depois da Tamis:

A minha mãe fez a bariátrica há 6 anos e estava um tanto relutante por conta das coisas que ela passou quando ela fez, a cirurgia era um pouco mais complicada, mas ela viu que seria o melhor para mim. Mas eu pensei “Pow, vou sucumbir a uma cirurgia para me deixar com padrões impostos por essa sociedade preconceituosa? Só para me encaixar em na maioria?”. Mas eu não estava pensando no que eu queria, eu queria emagrecer? Sim! Queria sim! Não para as pessoas me verem magra, mas eu queria entrar naquela calça amarela que eu tinha quando mais nova e que não cabia mais no meu joelho. E ainda melhoraria a minha saúde, pois a pressão estava alta por conta da quantidade de gordura. Então porque não fazer? Decidi!

Para fazer a cirurgia, eu precisei ser indicada por médicos, quem me indicou foi o cardiologista quando viu minha pressão arterial, disse que seria a melhor opção. Em seguida, fui direto para o cirurgião para conversar sobre a cirurgia . Ele me encaminhou para uma bateria de exames e diversos outros médicos, endocrinologista, psicólogo (acredite, é muito preciso!) e nutricionista. A cirurgia só estaria liberada para mim se todos esses médicos fizessem um relatório dizendo que eu estava apta a fazer a bariátrica. Não tive problemas com isso pois eles viram que eu estava decidida e seria bom para mim.

Em pouco tempo, o que foi sorte, pois tem gente que passa um ano para ter a liberação, demorei no máximo 4 meses, o que mais demorou foi a liberação do plano de saúde. Então, fiz a cirurgia. Meu método foi o Bypass, que cria um desvio do estômago direto para o intestino. Tenho só 6 pontinhos de cicatriz na barriga.

No hospital, fiz dois dias de fisioterapia para não sentir dores e liberar os gases que são colocados durante a cirurgia (se prepare para soltar muitos ‘punzinhos’ se for fazer a cirurgia haha) e foi uma salvação pois realmente me livrou das dores, não senti mais nada depois disso. Aliás, a únicas dores que senti foi assim que acordei da anestesia, parecia que eu estava sendo cortada por dentro, mas minha mãe não sentiu essa dor, então vai e cada pessoa.

No meu pós cirúrgico, apesar de não sentir dores, eu estava perdendo muitos nutrientes porque além de não poder comer e não conseguir ingerir os líquidos, eu estava menstruada, então fiquei muito fraca e tive alguns desmaios, assim que a menstruação suspendeu, os desmaios também foram embora.

A dieta é muito limitada, os primeiros 15 dias, só é permitido líquidos em copinhos de café, mas isso já parece muito pois eu não conseguia colocar nem isso pra dentro. Os próximos 15 dias são de líquido mais encorpado: Sopa batida no liquidificador, gelatina, mingau e coisas assim.

Em seguida vem a dieta pastosa, que já passa pra macaxeira amassada, purê, arroz papinha. Tudo bem molinho.

Sólido mesmo, só depois do 1º mês e meio. Mas nunca passei fome, até porque eu não sentia nem vontade de comer, não é um martírio.

O meu progresso foi e ainda está sendo ótimo, na primeira semana eu perdi 10kgs! Foi realmente rápido, minha até achou que eu estava com algum problema. Com 2 meses eu já havia eliminado 21kg.

Hoje estou com 11 meses de cirurgia e eliminei 45kg! Cheguei na meta que o médico colocou, a partir de agora eu preciso manter. Minha auto estima melhorou 110%. Voltei a fazer uma das coisas que mais amo e mais me fazer feliz, dançar! Faço Zumba duas vezes por semana. Me sinto mais bonita sim, estou mais confiante e o mais importante de tudo: Com saúde!”

Mais Fotos de Tamis Doria:

Share This:

Cursos e Treinamentos Para Os Nutricionistas – Especialização e Sua Importância:

O mercado de trabalho parece que não dá trégua. A cada dia que passa fica muito mais concorrido e quem tem mais conhecimento específico costuma conseguir melhores posições e melhores salários. E por isso que fazer cursos e treinamentos é essencial para obter este diferencial tão exigido. Os nutricionistas precisam investir em especializações para de destacarem em meio a tantos. Entretanto, mesmo sendo tudo isso sendo imprescindível, também é necessário cultivar sempre a qualidade no atendimento, dos produtos, bem como a padronização dos mesmos.

Os empregadores estão buscando sempre pelo melhor, ainda mais com o avanço tecnológico existente na área, o que requer ainda mais experiência e conhecimento nos nichos. Para isso, uma boa alternativa para o nutricionista é se inscrever em cursos de qualidade para se obter o treinamento devido.

Custos Dos Cursos é Um Impedimento:

Muitos profissionais relatam que pagar por um curso de qualidade é caro. No entanto, é preciso observar que especialização não se trata de gastos, mas sim de investimento na carreira que você sonhou tanto em ter. O que pode ajudar é tentar manter parte do seu dinheiro destinado para cursos e treinamentos, tirando todo mês uma porcentagem do seu salário e guardando na poupança. Assim, quando chegar a oportunidade de investir em uma nova área a ser explorada, parte ou todo dinheiro que você precisaria já estaria separado e pronto para ser usado. Desta forma, acaba não saindo muito pesado no final do mês.

A visão do profissional diante da questão proposta é essencial para determinar a forma com a qual ele vai lidar com cada especificidade. Por isso que a vontade tem de vir do íntimo e da força de vontade, a crença de que uma especialização fará toda a diferença.

Empresas Que Investem no Próprio Funcionário:

Quando você está inserido dentro de uma organização que também preza pela especialização do seu colaborador é incrível, pois a via é de mão dupla. Enquanto a sua empresa investe em você, automaticamente o profissional que é preparado para exercer as funções que lhe compete, renderá muito mais e com conhecimentos essenciais para determinar a excelência do trabalho.

Hoje em dia muitas empresas já identificaram a importância de investimento no funcionário e pagam por cursos e até mesmo pós-graduações, entre outros. Tudo é uma questão de relacionamento. Se você tem a oferecer para a empresa em que trabalha, ela vai retribuir mediante a possibilidade daquele profissional dedicado poder contribuir ainda mais com seu serviço a partir do momento em que adquire mais conhecimento.

Mas, enquanto você ainda não está inserido dentro desta realidade, pense no quanto é importante focar e direcionar a sua carreira de uma maneira mais assertiva. Há coaches espalhados no país inteiro, caso você sinta a real necessidade de realizar uma consultoria e direcionamento da sua carreira. Mas, o mais importante de tudo, o que você tem que realmente saber é que você não vai sair do lugar se não mudar suas perspectivas, principalmente neste mundo de alto avanço tecnológico onde tudo muda a qualquer hora. Deixar isso passar despercebidamente não é só despreparo, mas também amadorismo.

Assessoria de Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

 

Share This:

Festa Infantil: Como Montar Um Cardápio Saudável e Saboroso Para Crianças e Adultos

Alimentação infantil é sempre um dilema para os pais. Se de um lado queremos dar as comidas mais saudáveis possíveis, por outro precisamos ceder em algum momento porque não tem jeito, as guloseimas existem e mais cedo ou mais tarde nossos filhos entrarão em contato com elas. Mas, você sabe como equilibrar tudo isso?

Para a nutricionista Luma Monteiro, da assessoria em nutrição Minha Nutri, não transformar momentos de comer uma besteira ou outra em hábitos é o fundamental. Nenhuma criança, por mais centrada que seja, fica sem experimentar alimentos menos saudáveis e isso, de certo ponto é até bom, pois essa receptividade  nos permite realizar diversos experimentos, deixando a criatividade fluir e preparar lanches e refeições como almoço e jantar em algo interessante que instigue a curiosidade e vontade também por comidas nutritivas e que fazem bem para a saúde.

Equilíbrio sempre:

As festas infantis parecem –  um primeiro momento – ser grandes vilãs dos pais que lutam para manter o filho longe das guloseimas. Cachorro quente, pizzas, hambúrgueres, salgadinhos, refrigerantes, bolo, brigadeiro e por aí vai! Inclusive para eles próprios, já que muitas mamães e papais não querem e nem pretendem fugir da dieta durante as festividades. Mas, por conta de falta de opções acabam sucumbindo às tentações.

Mas, e se você fosse a uma festa que tivesse como filosofia uma alimentação saudável sem deixar de lado o sabor e a ludicidade para chamar atenção das crianças? Por muitas vezes o comodismo não nos permite enxergar outras possibilidades e acabamos encomendando todo o buffet sem pensarmos com uma visão crítica de que pode ser visto de outra forma.

Foi pensando exatamente nisso que a Luma Monteiro, que já vem há uma semana com seus lives ao vivo no Facebook, diariamente, às 15h, chamado 24 Atitudes Magras, onde a nutricionista mostra que o mais importante não são as dietas malucas que nos são propostas pela internet e demais meios de comunicação, mas sim as atitudes inteligentes que todos somos capazes de tomar. Então, ela resolveu compartilhar todo o cardápio da festa do seu filho Efraim, que fez aniversário neste último domingo, dia 12 de março.

O planejamento, sem dúvida, é uma das partes mais importantes. Não adianta de um dia para outro, com o compromisso de uma festa a ser realizada, você querer decidir tudo o que vai fazer sem consultar os custos, material, ingredientes, tempo de preparo, entre outras coisas. O cardápio da festa do Efraim foi realmente simples em sua essência, porém grandioso no que diz respeito a filosofia de vida da família.

Claro que a festa é infantil, mas os pais também vão degustar os quitutes, concorda comigo? Por isso que agradar a gregos e troianos faz parte da brincadeira. Fazer um cardápio voltado para os adultos também é interessante e deixa tudo mais leve.

Cardápio da Festa:

  • bolo de pão de queijo com chia
  • cupcake de maçã com chia
  • cupcake vegano de cacau
  • folhado de ricota, cenoura e azeitona preta
  • biscoito polvilho
  • rosquinhas doces
  • pastinhas: feijão branco com beterraba, babaganouche e musse de atum
  • frutas variadas
  • torta de legumes com linguiça
  • gelatina colorida com frutas
  • salada de lentilha colorida
  • sucos diversos
  • Quibe de forno sem carne (quibe de abóbora, couve flor e proteína texturizada de soja)
  • entre outros

Fotos Das Receitas Exclusivas Desenvolvidas Pela Luma Monteiro:

Gelatina Colorida com Frutas
Água Aromatizada
Torta de Legumes com Linguiça
Bolo de Pão de Queijo Com Chia
Cupcake de Maçã Com Chia
Folhado de Ricota, Cenoura e Azeitona Preta
Frutas Diversas
Pasta de Feijão com Beterraba, Babaganouche e Musse de Atum
Biscoito Polvilho
Salada de Lentilha Colorida com Lombo, Carne Seca Desfiada, Cebola Roxa, Cenoura, Abobrinha, Azeitona e Cebolinha
Quibe de forno sem carne (quibe de abóbora, couve flor e proteína texturizada de soja)

 

E vocês, gostaram do resultado? Espero que gostem do cardápio e adaptem nas próximas festas dos filhos!

 

Assessoria de Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

Share This:

Alimentação Hipercalórica – Benefícios e Contras da Dieta Para Aumentar A Massa Muscular

Como vocês sabem, durante todo o mês de março, a nutricionista Luma Monteiro está ao vivo todos os dias em sua fã page com o programa 24 Atitudes Magras. Pensando nisso e de acordo com algumas perguntas que temos recebido no blog, convidamos o especialista Dr. Anderson Silveira para falar a respeito de alimentação hipercalórica, bem como seus benefícios e contras.

Muitas pessoas não sabem corretamente como funciona uma dieta hipercalórica e não entendem as principais diferenças entre ganhar massa muscular e emagrecer, pois apesar de parecer ser simples, sem uma orientação adequada pode causar muitas dúvidas e erros. Não obstante disso, é que facilmente encontramos algumas pessoas falando que basta comer pizza e demais massas para ajudar no processo de ganho de peso e outras afirmando que comer pouco ajuda a secar. Sem contar que basta entrar na academia para uma pessoa querer tomar todos os suplementos disponíveis, mas será que você sabe para que serve cada um deles?

suplementos que ajudam na perda de peso, muitos nutricionistas utilizam fitoterápicos para potencializar este processo e há suplementos hipercalóricos como o famoso Whey Protein que ajudam a quem quer ganhar massa muscular magra. Pode parecer fazer sentir sentido comer muito para ganhar massa e comer pouco para emagrecer, mas não é tão simples assim. Para alcançar um perfeito estado de saúde e boa forma é preciso levar em conta a qualidade de vida e isso só é possível com a ajuda e a orientação profissional.

Ao passo que o ganho de peso está relacionado intimamente com o consumo de gorduras boas e carboidratos, quem pensa em reduzir o sobrepeso precisa fazer justamente o contrário, comer menos calorias, mas sem deixar de se nutrir bem. Isso porque emagrecer não é sinônimo de privação de alimentos, uma vez que até mesmo o que comemos nos serve de energia e combustível para atingir o peso idealizado.

Exatamente por isso que quando uma pessoa se propõe a uma dieta hipercalórica ou de emagrecimento precisa procurar um nutricionista para realização dos exames e programas nutricionais correspondentes as metas e possibilidades de cada pessoa.

Segundo o Dr. Anderson Silveira, 37 anos, professor e pesquisador do Departamento de Ciências Fisiológicas da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, “a dieta hipercalórica representa uma das muitas estratégias para atletas e praticantes regulares de exercícios, com o objetivo de ganho de massa corporal”, explica.

Se uma pessoa decide ganhar massa comendo o que quer, pensando que se é para ganhar peso, que seja comendo besteira, é possível desenvolver uma série de doenças que podem  prejudicar a muito a saúde.

Os riscos de uma dieta hipercalórica já são latentes quando a mesma é feita corretamente, com a ajuda de especialistas para montar um plano alimentar que corresponda aos objetivos, sendo assim, quando realizada de maneira errada, os riscos são ainda maiores. Dr. Anderson ressalta que “este tipo de dieta já representa um risco quando não orientada por um nutricionista. Uma vez que, o período de duração e balanceamento dos macronutrientes deve ser estudado cuidadosamente, pois devido ao excesso de carboidratos, gorduras e proteínas contidas neste tipo de dieta, existe a possibilidade de prejuízos a saúde, além do risco elevado de aumento da massa de gordura corporal em vez de massa muscular”.

Ou seja, se feito sem orientação, é mais fácil engordar do que ganhar massa muscular. Justamente por este motivo que existe uma linha muito tênue entre fazer dieta hipercalórica e comer o que quiser na tentativa de aumentar o peso.

É possível perder gordura e aumentar a massa muscular ao mesmo tempo na academia?

Para o especialista em Fisiologia da UFRRJ, os modelos de treinamento para promover o emagrecimento, especialmente em curto espaço de tempo, utilizam uma organização de volume e intensidade dos exercícios, que por questões fisiológicas e pela via de sinalização celular ativada por este modelo de treino, não são capazes de potencializar grandes ganhos de massa muscular concomitante a perda de gordura corporal, além da restrição calórica que é comum para quem deseja emagrecer, o que também contribui para este fato.

Isto é, dependendo do seu objetivo, o ideal é primeiramente procurar um nutricionista para esclarecer dúvidas e montar planos que sejam capazes de atingir as metas esperadas. Tudo isso também está relacionado com o tempo disponível para prática de exercício do aluno, bem como adequação ao programa montado pelo nutricionista.

Benefícios da dieta hipercalórica:

  • Maior resistência e força às praticas de exercícios.
  • Aumento de massa muscular e consequentemente definição dos músculos.
  • Ganhar massa magra também está relacionado com o aumento da autoestima.

Contras da dieta hipercalórica:

  • Refluxo gastroesofágico e náuseas
  • Desconforto gastrointestinal.
  • Em longo prazo pode sobrecarregar rins e fígado.

“Diversos estudos, tanto em animais, quanto em humanos demonstram claramente que dietas ricas em carboidratos e gorduras estão principalmente associadas ao desenvolvimento de síndrome metabólica, que é caracterizada por aumento da circunferência abdominal, dislipidemia, alteração da glicemia e pressão arterial”, avalia o Dr. Anderson Silveira.

Dentro deste contexto, é correto afirmar que os distúrbios metabólicos provocados pela dieta hipercalórica pode aumentar o risco de desenvolver diabetes tipo 2 e doenças cardiovasculares. Logo, o consumo excessivo destes marcronutrientes é contraindicado para quem já possui algum tipo de doença no coração ou metabólica.

Vale lembrar que por mais que tentemos modificar a estrutura muscular e esquelética do nosso corpo, há limites biológicos a serem levados em consideração. Somente substâncias ilícitas são capazes de modificar tal limite, entretanto, com uma dieta hipercalórica é possível, por meio de nutrientes, proteínas e aminoácidos, adaptar e aumentar a musculatura, mas nunca ultrapassar os limites do biotipo de cada pessoa.

 

Assessoria de Imprensa Minha Nutri – comercial.minhanutri@gmail.com

Share This: